Loading...

Artigos

Conceitos, tendências, idéias, um pouquinho de tudo que entra e sai da nossa caixola.

21 Ago

Motivos para que o seu site tenha um design responsivo.

21/08/17    
O modo como navegamos hoje na internet está cada vez mais diversificado. Podemos acessar conteúdos de um smartphone, tablet ou computador.

Como que o seu público se conecta ao seu site hoje?


Atualmente não se faz mais uso do termo “vou entrar na internet”. Basta pegar o celular e se conectar, sem grandes dificuldades já estamos conectados e navegando.

Olhe ao seu redor, muitas pessoas estão com o celular na mão, seja na praia, no trânsito, no ponto de ônibus, no escritório. Hoje este comportamento é tão comum que, se deixarmos este fato de lado, sem pensar em como podemos nos beneficiar com esse comportamento, é ficar para trás.
 
Precisamos ter um site adaptado a essa realidade que esteja à mão dos usuários. É aí que entra um site responsivo. Como já dissemos anteriormente, site responsivo é aquele que se adapta aos diversos tamanhos de tela dos dispositivos móveis sem que haja distorção em seu conteúdo. É uma estrutura de códigos que funciona em diversas resoluções.

Veja aqui algumas razões para se ter um site responsivo


1 – Proporcionar uma melhor experiência ao usuário

Saímos do conceito “Engenharia de Busca” evoluindo para “Experiência de Busca”. A experiência do usuário é tudo, e traz resultados concretos.

Segundo o Google Think Insights, se um usuário acessar sua página por um dispositivo móvel e não encontrar o que procura, há 61% de chances que ele desista de continuar na sua página e saia para outro site, provavelmente de um concorrente.

Caso ele venha ficar satisfeito com o que encontre na sua página, tendo uma experiência positiva em sua busca, as chances que ele venha a converter o seu produto ou serviço é de 67%.
2 – O acesso via mobile é uma crescente

Baseados no relatório da Digital, Social & Mobile 2015, cerca de 39% da população brasileira acessa a internet pelo celular e outros dispositivos móveis. Este número representa 79 milhões de brasileiros.

A tendência é confirmada na mesma pesquisa, que mostra um aumento de 109% no número de pageviews via dispositivos móveis, e uma queda de 12% dos pageviews via desktops (computadores de mesa).
3 – SEO + Mobilegeddon

Com a mudança nos algoritmos de busca do Google, as pesquisas favorecem websites responsivos principalmente quando feitas via dispositivos móveis, aumentando naturalmente o tráfego orgânico.

Ter um site responsivo colabora com que este apareça nos resultados de busca, independente do dispositivo que o usuário esteja utilizando durante a pesquisa.

A intenção do Google é favorecer sites que são responsivos ou que possuem uma versão mobile em detrimento aos que não estão atualizados e preparados. Esta mudança teve início em 2015 e ainda muitas empresas possuem versões desatualizadas e não preparadas para dispositivos móveis.

Outro ponto importante é que a estrutura da URL permanecerá a mesma em todos os dispositivos, o que auxilia no ranking e na visibilidade do seu site para o robô de busca do Google.
4 – Páginas mais rápidas em seu carregamento

O Google PageSpeed Developers recomenda que o carregamento da página leve em média 2 segundos, claro que devemos levar em consideração a conexão do usuário e outras variáveis.

Quando a versão desktop de um site é carregada num dispositivo mobile o tempo de carregamento é maior, sendo um fator importante no seu rankeamento para o Google, além de deixar o usuário insatisfeito saindo da página e indo pesquisar em outro lugar.

Um site responsivo é mais leve e otimizado para dispositivos móveis, carregando mais rapidamente.
5 – Taxas de rejeição mais baixas

Um site responsivo reduz a quantidade de usuários que entram em seu site e ficam sem interagir.

Se o usuário for bem recebido ao entrar na página, as chances que ele feche e saia diminuem.

Ter um site responsivo reduz a quantidade de usuários que entram em seu site e saem sem interação alguma.

É importante tomar cuidado com essa taxa de rejeição uma vez que, se ela estiver muito alta, pode ser interpretada pelo Google como sinal de que o conteúdo não é relevante. E quando isso acontece, as chances de sua página perder posições é grande.
6 – Aumento das vendas

Ainda baseado no relatório Digital, Social & Mobile 2015, temos um dado de que 15% dos brasileiros que utilizam a internet em dispositivos móveis fizeram uma compra nos últimos 30 dias.

Nesse quesito, a preferência da população brasileira ainda é o desktop, que tem para o mesmo quesito uma taxa de 36%.

Mesmo assim, os números mostram uma tendência que está em pleno desenvolvimento. Ter um aplicativo ou um site responsivo para um ecommerce, por exemplo, é uma maneira de aumentar as suas vendas.
7 – Aumento nas taxas de conversão de Leads

Assim como há aumento de vendas, há também a possibilidade de aumentar a conversão e gerar Leads (cadastro) por meio de dispositivos móveis.

Se você utiliza as redes sociais para promover seus materiais, é muito importante que as páginas sejam responsivas. O usuário poderá estar navegando nas redes pelo smartphone quando visualizar seu link no feed de notícias. E se, ao clicar, a página for desalinhada, é muito maior a chance de ele não converter do que ele abrir novamente o link no desktop.
8 – Mais compartilhamentos nas mídias sociais

As contas em redes sociais que são acessadas por dispositivos móveis estão em 78 milhões de usuários, isso equivale a 38% do total da população. Esse número não significa usuários únicos, uma vez que uma pessoa pode ter várias contas em diferentes redes sociais, por exemplo.

Porém, não deixa de ser um número expressivo. Como o acesso às redes sociais via celulares e tablets é a cada dia mais frequente, nada mais inteligente do que seu site ser responsivo. As chances de suas páginas serem compartilhadas em redes sociais por esses usuários são muito maiores se eles tiverem uma experiência agradável de navegação.
9 – Preparados para o futuro

Uma das maiores vantagens de um design responsivo é que ele é feito para diferentes resoluções e não para diferentes dispositivos. Ou seja, não importa qual a resolução da tela do dispositivo que o seu visitante está utilizando, o layout irá se adaptar no dispositivo.

Isso abre uma brecha para dispositivos futuros, que poderão ser lançados com resoluções diferentes. Um layout responsivo deixa seu site pronto para qualquer dispositivo, mesmo os que ainda não existam.


Sobre o autor

Adriano Vidoretto

Formado em Administração de Empresas pela FMU, Fotografia pelo Senac e Design Gráfico pela Escola Panamericana de Artes. Multidisciplinar e especialista em marketing digital, cria produtos e desenvolve serviços nas áreas digital e impressa. Tem paixão e dedicação pelo que faz, auxiliando na comunicação de pequenas e médias empresas.

Comentários

Deixe um comentário